Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Último sol

O último raio de sol
vermelho gradiente
por entre as nuvens
diz adeus ao horizonte

O pôr do sol
é como a morte

É tormenta para quem carrega culpa
alívio, para quem tem o dever cumprido
esquecimento, para os medíocres

O pôr do sol
é um espelho para a alma

É a natureza lhe avisando
que os dias se vão
que o mundo gira

O tempo todo

E...
a propósito
quem lhe deu o direito de ficar parado?

Últimas postagens

Tanto faz

O retorno

Desencanto

Órfão de sonhos

Desencanto e morte

EU MANDACARU

CANÇÃO DE UM ninguém

SOBRE A MORTE DE BELCHIOR

CANÇÃO À LAVADEIRA

CARTA SEM RESPOSTA